Janeiro 2016

Mudar

Uma coisa é certa, aqui, no meio, onde estou, não estou bem. Não estou próxima de quem fui e mais longe ainda de quem serei. Aqui não quero ficar.

Continuar a ler

Anúncios
Standard
Janeiro 2016

Recomeçando

Faz hoje um mês que foste embora e ainda me sinto vazia. Acreditas que ainda não chorei, que ainda não gritei de dor. As tuas coisas ainda estão por aqui, a nossa música ainda toca no iPod, as nossas fotos ainda estão espalhadas, os teus livros, os teus Moleskines cheios de histórias, as canetas bic que tanto aprecias, tudo está aqui.

Vivo disto, de recordações, do teu cheiro que ainda me preenche cada poro de pele, quando fecho os olhos, arrepio-me, as borboletas voam-me na barriga…

Continuar a ler

Standard
Janeiro 2016

“Welcome to Sky Valley”

Fitou a placa de metal onde se lia “Welcome to Sky Valley” que guardava religiosamente na parede em frente à sua cama há pouco mais de dez anos, resultado de uma noite memorável onde Tyler e o seu amigo Jeremy a arrancaram da auto-estrada por onde conduziam sem destino o velho Pontiac Firebird do pai de Jeremy. […]
Há anos que não sabia nada de Jeremy. Havia um número de telefone antigo escrito num pedaço de papel velho coberto de pó na secretária inutilizada do seu quarto.

Continuar a ler

Standard
Janeiro 2016

A Um Ano Cheio De Diferentes Portos

“Mas a vida é feita de ganhos e perdas, finais felizes e infelizes, amores e desamores, viagens e momentos atracados a um porto.

E talvez este ano e as mais de trezentas páginas ainda existentes e por prencher na minha agenda e diário, estejam a pedir que levante a âncora e navegue em direção a um novo porto, com melhores auroras e diferentes pôr-de-sóis.”

16 de Janeiro de 2016 Continuar a ler

Standard