temas

Tema para a 5ª semana (9 a 15 de Novembro)

Um bocadinho atrasado, mas aqui está! O tema para a 5ª semana é… escrever uma fábula! 😀

Para relembrar:

As fábulas (do Latim fabula: história, jogo ou narrativa), são composições literárias curtas, escritas em prosa ou versos em que os personagens são animais que apresentam características antropomórficas, muito presente na literatura infantíl. As fábulas possuem caráter educativo e fazem uma analogia entre o cotidiano humano com as histórias vivenciadas pelas personagens, essa analogia é chamada de moral e geralmente é apresentada no fim da narrativa.

Continue reading “Tema para a 5ª semana (9 a 15 de Novembro)”

Anúncios
semana 4, temas

Tema para a 4ª semana (2 a 8 de Novembro)

Está dado o mote para a 4ª semana do CPR – A Reanimação da Escrita! 🙂

Achamos que é um tema que vai agradar a toda a gente e que irão interpretar de formas muito diferentes. As viagens não precisam de ser apenas físicas, mas também espirituais. Podem ser para longe, ou sem sequer saírem de casa. Pode ser um relato real ou imaginário.
Continue reading “Tema para a 4ª semana (2 a 8 de Novembro)”

semana 3, temas

Tema para a 3ª semana (de 26 de Outubro a 1 de Novembro)

Eis o tema para a 3ª semana do CPR, mesmo a tempo do Halloween!
Esta semana, deixem os vossos medos fluir, convidem os pensamentos mais tenebrosos e interpretem-nos da maneira que melhor sabem!

Lembrem-se que há muitas formas de terror e muitos estilos de escrita que podem usar para completar mais este desafio do CPR. 😉 Continue reading “Tema para a 3ª semana (de 26 de Outubro a 1 de Novembro)”

semana 2, temas

Tema para a 2ª semana (19 a 25 de Outubro)

Ah, pois é! Esta semana aumentamos o desafio aqui pelo CPR e o tema depende unicamente de vocês, desde que o façam a partir de outro século.

Ou seja, no vosso texto, terão que integrar elementos que mostrem claramente que este foi escrito:

  • por vocês, mas a viver noutra época;
  • onde a acção se passa noutra época.

Aceitam o desafio? Este dá pano para mangas. Não é necessariamente fácil, mas daqui só poderão sair textos absolutamente incríveis. 😉