Uncategorized

Teoria do Tudo

Este foi o meu início. Este foi o acontecimento cósmico que iniciou a minha própria Teoria do Tudo. Porque tudo é aquilo que nos preenche por completo, e o único início que interessa é quando esse tudo aparece. E quando não existe nada mais importante, do que o que possuis, não existe espaço para o fim. Continuar a ler

Anúncios
Standard
Novembro 2016, Uncategorized

Até que a morte os una

Lembro-me ao detalhe, como se estivesse a revivê-lo, do momento em que prometi amar-te e ser-te fiel para o resto da vida, na saúde e na doença, até que a morte nos separasse. Lembro-me do nó que me magoava a garganta quando engoli em seco antes de, perante as nossas famílias e todas as pessoas que nos eram importantes, te mentir. Sorriste-me emocionado. Fechei os olhos para que não lesses nele a verdade.

Continuar a ler

Standard
Uncategorized

O nosso CPR na ECSC Magazine

Não é todos os dias que o nosso projecto é divulgado da revista da Escola Superior de Comunicação Social (ESCS).

Para quem não sabe, o este pequeno clube de reanimação da escrita foi criado pela Catarina Alves de Sousa e pela Joana Magalhães em Outubro do ano passado. Se quiserem, deixem o vosso like em CPR – A Reanimação da Escrita e leiam o artigo da ESCS na íntegra aqui.

Aproveitamos ainda para agradecer à Sofia Costa Lima por nos pôr em contacto com a Ana Rita Nunes e à Ana Rita também por ter divulgado o CPR. 🙂 Continuar a ler

Standard
Uncategorized

Tempestade perfeita

Tinha-me transformado num bloco imóvel, agarrado ao chão, presa por tantas amarras e ancoras que não mais me era possível voar. Não existia uma folga que fosse para a espontaneidade. Aquele espírito livre que vivia cá dentro, não mais o era. Perdera a capacidade de voar, e quase fenecera quando as asas mirraram por falta de uso, transformando o coração de águia em rato de gaiola.

Continuar a ler

Standard
Uncategorized

Exemplo de um texto para outro grupo de escrita

Antes de começarmos aqui a publicar semanalmente os nossos textos, achei que fazia sentido partilhar um dos textos que escrevi para outro grupo de escrita, especialmente para quem ainda está com dúvidas sobre “que tamanho devem ter os meus textos?” ou “que estilo devo usar?”.

A resposta simples para estas dúvidas é: os que vocês quiserem. 🙂

O CPR pretende incentivar a nossa criatividade, não restringi-la, por isso fiquem á vontade! Escrevam 5 linhas, 15 ou 50, mas escrevam!

Este grupo de escrita no qual participei brevemente, tinha também um tema por semana. Neste caso, o tema era “um elemento característico da personalidade do autor”. Este é o meu. 🙂

Continuar a ler

Standard